Intrometidos

Intruso cisco colorido
resvalando pelos cílios
nem assim distraem dos olhos
as janelas que dão em almas

Penso que dizer é nada
perto do muito
que ler me causa...
comoção dos sentidos
que de sede, despertos viços


Das minhas lidas,
esta é feito água, líquida
rasa, que dá e não passa
por mais que vaza...

pessoalidade

As febres passam
A morte não existe
Sonhos cessam
e sonhos nascem
 Os calos crescem
endurecem, e finalmente, adormecem
Os pedidos estão sempre estampados
os vestidos passam de mão em mão
Gaitas cantam as cores que enfeitam os dias
cordas ecoadas dançam somadas
aos batuques que fazem o ritmo das ruas andadas

É uma questão de como cada coisa toca seu íntimo

Divagar

.
Na conjuntura da esfera total
paciência é item primordial
líquida, água viva.
Ver-se escorrer...

A espera se compensa, dela germina o pensamento
e de pensar voa às alturas
refletindo afetos e verbos
nexos

'Bastando, para ser, a breve condição de estar
Estamos... incorporando sensações,
vide bula, vivendo lado a lado
Todos os lados... provando extremidades
intensificando tudo quanto é véspera

O que é esperar, senão a viagem de nome viver? ...'
Ao passo que vejo a guerra armada
uns comendo outros, devorando espécies e até etnias
semelhantes em que? Dissonantes

Procuro a minha paz, desejo da alma
vivo com a pressa da calma
esperando o inesperado e inexistente, futuro
.