Inteira

.

Enquanto uma metade faz a sua parte
a outra espera
em silêncio
até que o amor fale mais alto...
os sons de depois

5 comentarios:

  1. Pede bis e mais...

    O amor neguinha é qualquer coisa que entra sem pedir licença
    e muda de lugar o que bem quer
    joga fora outros amores junto com suas dores
    renova na casa as paredes e deixa mais alto o teto.

    Quando se instala (porque é isso que ele faz!)
    o amor faz um estrago que só, ele se espalha e não tem quem junte mais... que estrago 'mais' bom!!

    O meu amor me põe de pé todas as manhãs de 'feira'...
    Me faz cócegas aos sábados e domingos, mas eu levanto bem tarde nestes dias rs
    vai ao cinema, mesmo que seja cinema no sofá da sala
    e toma os cafés da manhã mais especiais ao meu lado!

    O amor me move, sempre para frente... na alegria, na agonia, a noite ou de dia.

    ResponderEliminar
  2. o amor
    com a paixao
    e o tesao
    e tantas outras
    coisas mais
    grita
    tantos ais
    que até parece
    que é
    dor

    ResponderEliminar
  3. lindo o que vc escreveu e linda a participação do Jeff tb! :)

    :*

    ResponderEliminar
  4. Hummm... Quantas metades cabem no silêncio? E no amor, quantas cabem? Melhor: quantas bastam, quantas urgem? Porque uma metade no silêncio às vezes é bastante, e uma metade no amor é urgência.
    Adorei tuas palavras. Abraços!

    ResponderEliminar

Grafe as asas de suas idéias...