...



Quando piscar,
do escuro o instante cego
a vislumbrar
na matiz dos teus olhos haverá
reflexos coloridos de mel,
o meu olhar

6 comentarios:

  1. ... quando perceber que tem alguém "batendo na porta".

    gostei, acho que deixa espaço para muuuitos ´davaneios´.



    abs;
    Fabrício

    ResponderEliminar
  2. É para viajar que as palavras tomam forma... por seus devaneios, um belo passeio, espero!


    Este mel, em dia escorre a lembrança
    no olhar
    perde a essencia enquanto o doce azeda
    desprotegido, ao relento
    evapora,
    até secar

    Obgd Fabricio

    ResponderEliminar
  3. Rai, és uma querida, tão querida!!

    Quem dera o meu olhar pudesse melhorar DE FATO alguma coisa, além de apenas minhas impressões...
    ultimamente inclusive, tem sido ele o forasteiro, intruso estrangeiro, impostor que co-habita em mim.

    Mas passa, pois sou dotada de fibra
    e muita FÉ

    .
    .
    Pensando melhor, um pouco mais... sou melhor quando melhoro, de alguma maneira, a visão ou percepção de alguém (principalmente os queridos!) sobre as coisas de dentro
    e porque não dizer
    as de fora também!

    AbçO e Obgd viu*

    ResponderEliminar
  4. há se todos tivessem olhos de mel para espelhar =]

    beijos, querida e bom fim de semana

    MM.

    >>> obrigada pela gentil visita, volte sempre que quiser

    ResponderEliminar
  5. MM... só me vem chocolate à mente...

    Gentil eu não sou, longe disso, muit longe! É sinceridade mesmo, o blog é massa (como o povo fala em SSA), palavreado com uma natural riqueza de dizer...

    Sou eu quem agradeço a vocÊ.

    ResponderEliminar

Grafe as asas de suas idéias...