Doce liberdade

.
Não! Eu não costumo usar as rédeas
gosto do frio que dá um arrepio por dentro
quando a velocidade assume o controle
me despreocupo, rio fácil
deslizando sobre o vento...

Me usam as selas somente quando é preciso
sentar corretamente, ser cortês e coerente
me vestir de sociável
__para chegar aonde eu quero... lugar este que não chega nunca, é mesmo pela trajetória__
e tentar ser razoável...

É compreensível
que moldes se mantenham
e feito gesso, transformem os passos imperfeitos da gente
numa quase estátua viva, milimetricamente programada
com seus repetitivos movimentos
bate-estaca
obedecendo submissa
aceitando sem luta o destino já traçado...

Se eu sou 'pré' destinado
__e não é nisso que eu creio, não cegamente__
de certo que me cabem um lindo céu para teto
e a relva colorida na paisagem me serve de caminho
para que eu possa sentir desenfreado o vento nos cabelos
sobre a face, eriçando meus pelos.
Galopar por veredas ignoradas
desbravando o sobrenatural
além do espelho
por meus olhos ou minha intuição
tirar a armadura
e mergulhar na profundidade de pequenos prazeres
sorrir satisfeita por um momento...

Antes de voltar à rotina
e conquistar o que ainda me falta.
Vez em que as palavras não vem em versos, estão no amor que agora expresso para todos, muitos ou poucos, quantos conhecem minha literal ideia. Trago impressos obrigadas tantos
aos meus amores que ontem cobriram-me corpo e alma de todas as boas energias e desejos possíveis... e mais uma vez percebo como é importante amar e trocar este amor, ofertar este amor que nos percorre e que por vezes guardamos. Mas guardamos para que? Guardar o que é bom é para tolos...
Eu individualizo o amor e assim unifico-o. Amo uma serenata de forma cantada, amo o mar de forma azulada, e o meu amor eu amo com a paixão que ele precisa...
Dá vontade descrever cada detalhe do meu dia desde o alvorecer, citar todos os nomes que fizeram do meu aniversário o dia mais especial que tive... quero mesmo é dizer que amei!! Fui (e sou!) feliz por ter cada um dos que tenho por perto, colegas, amigos, família, Deus, amoR!! Ouvir a voz de quem não está perto _receber um abraço em pensamento_, ler os parabéns virtuais, cartões docemente divertidos, o último e mais importante abraço do dia que selou a unção de amor compartilhado com a mãe mais linda que existe! Nada de finalmente, a vida é hoje, a felicidade também, estou projetando o amanhã com mmuito suor e esforço só que faço questão de viver a intensidade do meu presente, declarar amor e vivenciar amor, dispor com carinho e paciência, atender a quem me chama, aprender cada vez mais a competência, evoluir sem me destruir nem banalizar, quero expandir o horizonte agregando tudo o que trago desde muito longe: as frutinhas mais quentes e vermelhas da paixão, o respeito ao meu irmão, coragem para ir além, o momento de saber esperar, o momento de avançar, o AMOR infindável que sinto a jorrar pela vida em si.

Obrigada a todos que por instantes me fazem sorrir.
AMOR e saúde em suas vidas, em nossas vidas!

Jáhhhhhhhhhhhhhhhhh

Meu dia e todas as idades

Se o que se quer é a boa esposa
A aquariana pousa.
Se o que se quer é uma outra coisa
A aquariana ousa.
Se o que se quer é muito amor
A aquariana
É a mulher macho sim senhor.
Porém não são possessivas
Nem procuram dominar
Ou são meigas e passivas
Ou botam para quebrar.



.....................................Vinícius de Moraes

Quebra mar

Riqueza é amar
ser amado
Viajar, pensar sobre
Viver...

Ou nada disso, apenas ser
na intenção absoluta de respirar
o ar condensado das ruas
das meninas
a tolerância dos esmagados
esfomeados, coitados
aspirando maresia para poder
enxergar poesia
criar sua vida de mar
em ondas sobre
Viver...