Sem poesia

.

Me despedaço e me junto
à saber do que sou feito
chegar nos meus extremos
e encontrar o insondável habitante
morador de mim

.

Inspirado no que tenho lido, no que tenho feito, onde tenho ido. Pessoas, palavras, sentidos desesperados... meu desequilíbrio.

6 comentarios:

  1. O que escrevo é a expressão mais exata (ou menos inexata, não sei como devo dizer) que encontro, em cada momento de mim.
    Isso pode atingir os sentimentos ou não de quem lê, mas mais que tudo, minha intenção é gritar e assim, desentupir meu mundo, extravazar ideias, sentimentos e o que mais existir dentro de mim

    Bj!

    6 de março de 2009 11:26

    _________________________________________

    Esse foi o comentário a qual me referi...

    Eu não conheço ninguém que se valorize tanto quanto merece, não conhece ninguém que se elogie de frente pro espelho, sem pensar que está mentindo pra si mesmo. Mas conheço uma pessoa que se explora nos pontos íntimos de seus pensamentos pra se conhecer, pra se entender.

    Se despedaça pra quando se juntar, construir alguém diferente?

    Porque se for, vou reclamar, quero discordar de te ver tentar mudar, tomara que eu esteja enganado, pois me alimento de pequenas essências, aquelas que encontro nas pessoas que convivo, que gosto, a sua é muito forte e posso até convir que queira saber de onde essa essência vem ou qual seu significado nessa vida, mas não posso imaginar tuas palavras escritas que leio todo dia, seguindo outro rumo, que não for o do amor, da paixão, desejo e principalmente incompreensão.

    Certas coisas eu não peço a Deus pra que possa entender, peço pra que possa sentir!

    Tenha uma boa noite!

    ResponderEliminar
  2. faço o dia
    feito poesia inventada.
    refaço versos e rimas,
    reinvento a madrugada.
    Com enxurradas de pensamentos
    depsedaço as horas
    em silêncio palavreado.

    ResponderEliminar
  3. é isso que me fascina em você, eu entendo cada palavra que diz e mesmo assim, fico relendo, olhando, tentando entender.

    Obrigado e espero que goste, é bem simples, meio irregular, mas é um história que eu gosto muito, por ter pedacinhos de verdade!

    ResponderEliminar
  4. eis um caso clássico em que, literalmente, o que se busca está mais perto do que se pode conceber... hahahahaha
    um beijo.

    ResponderEliminar
  5. hmmm... layout novo! =)


    linda foto...

    ResponderEliminar
  6. Hoje resolvi revirar esse blog de cabeça pra baixo. Respirei e revivi tantas lembranças boas de nós. Fechei os olhos, voltei na linha do tempo e contemplei a construção da nossa história quando o tudo ainda era um nada. Que sensação gostosa saber que erros, acertos, medos, coragem, misturas, avanços e retrocessos fazem parte de um amor incondicional. Isso mesmo! Amor incondicional é o meu sentimento por você.

    Te amo demais e que seja pra sempre, independente das nossas escolhas.

    Te quero e te desejo, meu lindo lírio que perfuma as minhas manhãs.

    Beijos todos, completos, sincronizados e quentes pra você minha princesa!

    ResponderEliminar

Grafe as asas de suas idéias...